Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um blog mais ou menos fit

Este é apenas um espaço de partilha de algumas coisas do meu dia-a-dia, alimentação, desporto.... coisas mais ou menos fit :-)

Um blog mais ou menos fit

Este é apenas um espaço de partilha de algumas coisas do meu dia-a-dia, alimentação, desporto.... coisas mais ou menos fit :-)

Maçã com chocolate e amêndoa

IMG_2257.JPG

 

Mais uma experiência de uma sobremesa fit com maçã, desta vez com chocolate :-)

 

  • 1 maçã
  • 1 quadrado de chocolate preto (70% cacau ou mais)
  • 1 colher de sobremesa de amêndoa (também pode ser manteiga de amendoim)
  • 1 colher de sobremesa de amêndoa laminada

 

Num recipiente que possa ir ao microondas colocar a maçã partida aos bocados. Se gostarem podem deixar ficar a casca (eu gosto!). Colocar o quadrado de chocolate em cima da maçã e levar ao microondas entre 1 a 2 minutos de forma a que a maçã fique em puré e o chocolate derretido. Adicionar a manteiga de amêndoa e misturar bem. Por fim colocar a amêndoa laminada e servir!

Coisas fit que eu como #24

11429212_10152867850393045_6678802210229614160_o.j

 

E hoje uma sugestão de pão sem glúten, o pão biológico da Miolo.

A Miolo é uma padaria biológica artesanal de pão sem trigo comum e/ou sem glúten.

 

Dentro das opções de pão sem glúten existem:

  • Batata doce e milho
  • Avelã e trigo sarraceno
  • Alfarroba
  • Aveia integral
  • Pão refeição quinoa 

 

Ainda me falta experimentar o pão de aveia integral e o de alfarroba mas gostei bastante dos outros!

Para quem não dispensa o pão esta é uma opção mais saudável pois os pães da Miolo são ricos em proteínas vegetais, sais minerais, vitaminas, fibras e hidratos de carbono complexos.

 

Costumo comprar o pão nas lojas do Celeiro mas já existem à venda em outros locais em Lisboa e noutros pontos do país. Podem consultar os pontos de venda no site da miolo (http://www.miolo.pt) ou no facebook.

 

1003771_10151477184078045_403029477_n.jpg

 

 

 

 

 

Chocolate preto!

Collage 2016-01-26 21_25_43.jpg

 

Comecei a escrever este post para partilhar o chocolate preto que costumo comer e fui rever um post antigo que escrevi em Março ao qual dei o título Ah e tal eu não gosto de chocolate preto! Foi engraçado ler o post agora e pensar que como é que em menos de um ano comecei a gostar de chocolate preto e mais ainda a deixar de achar piada ao chocolate de leite :-) Só prova que o nosso gosto e paladar pode mesmo mudar!

 

Voltando ao tema do post, um dos chocolates pretos que costumo comprar com mais frequência é o Kaoka 70% cacau. Sim eu também como chocolate de vez em quando :-) Mas nunca compro chocolate preto com menos de 70% de cacau. Para mim o limite é 75%, a partir daí confesso que já não consigo gostar do chocolate, pelo menos por enquanto! Mas para quem gosta também existe com 80% de cacau. 

Embora o chocolate preto seja melhor nutricionalmente (e quanto maior a % de cacau melhor) que o chocolate de leite, não é por isso que podemos comer a tablete inteira! Cuidado com os abusos, um a dois quadradinhos chega :-)

 

Costumo comprar estes chocolates no Celeiro ou em lojas ou supermercados do género.

 

 

Panquecas de coco, banana e cacau

 IMG_2304.JPG

 

Mais uma receita de panquecas com farinha de coco, desta vez com cacau!

 

  • 1 banana madura
  • 1 ovo
  • 2 claras de ovo (ou 1 ovo)
  • 1 colher de sopa de farinha de coco
  • 1 colher de sobremesa de cacau puro
  • 1 colher de sobremesa de sementes de chia
  • 1 colher de sobremesa de adoçante (opcional, eu não usei)

 

Estas panquecas não ficam muito doces pois o cacau puro tem um sabor bastante forte. A banana dá um certo sabor doce mas para quem não gosta de coisas pouco doces é melhor adicionarem uma colher de sobremesa de adoçante.

 

Misturar todos os ingredientes (usei a varinha mágica). Numa frigideira anti-aderente (se não for usem um pouco de óleo de coco para untar) colocar duas colheres de sopa da massa e deixar estar durante 2 ou 3 minutos até conseguirem soltar a panqueca e virar ao contrário. Deixar estar mais 1 ou 2 minutos e está feito! Repetir o processo até acabar a massa (dá para 4 panquecas).

Sugestão: quanto mais pequenas forem as panquecas mais fáceis são de fazer, por isso se têm dificuldade em virar as panquecas façam-nas mais pequeninas :-)

 

 

 

Pág. 4/4